Olhos fechados pra te encontrar.  Não estou ao seu lado mas posso sonhar.  Aonde quer que eu vá levo você no olhar.  Aonde quer que eu vá.
Mesmo que a vida pareça triste, simplesmente sorria e o mundo sorrirá de volta pra você.
bensears:

how can a dog so small pee so much
“Eu sou assim. Eu guardo pra mim e não digo nada. Eu ponho um sorriso no rosto e finjo que não doí, que eu não ligo e que não me atinge. Já perdi as contas de quantas vezes impedi uma lagrima de rolar pelo meu rosto. Mais pode ter certeza que quando eu desabar vai ser feio. Quando eu me permitir chorar vai ser o choro mais triste do mundo.”
“O que sinto não é traduzível. Eu me expresso melhor pelo silêncio.”
— 	Clarice Lispector.
“É tudo tão inevitavel que se torna tudo muito simples. Por mais forte que seja uma pessoa, vai chegar uma hora que ela vai chorar, sem escandalos, tão silencioso que seria muito mais facil gritar. Por mais inalcansável que seja alguem, uma hora ele será obrigado a descer da sua nuvem e receber um abraço, e dar outro, e distribuir sorrisos. Por mais gentil que seja fulano ele vai acabar de ofendendo e será que tu não o perdoaria por isso? Por mais independente que seja ciclano, uma hora ele vai precisar de alguem pra segurar a mão. Não é questão de fraqueza, por que se quer saber minha opinião fraco mesmo é quem se obriga a ser forte o tempo todo. É que a gente é humano, cara, e como qualquer ser humano, estamos ai, com tentativas cegas e cambaleantes, de tentar acertar os passos. É que também, meu caro, no fim, só estamos tentando fazer o melhor de nós, mesmo cheios de imperfeições… O melhor de nós.”
“No entanto, tudo o que nos invadiu com intensidade, tudo o que foi realmente verdadeiro e vivenciado profundamente não passa. Fica. Acomoda-se dentro da gente e de vez em quando cutuca, se mexe, nos faz lembrar da sua existência.”
“Eu pranteio feito um palerma, lágrimas idiotas me escorrem sem autorização, eu choro pelo aparelho, pela parede, pela fome na África, pelos buracos na calçada, pela propaganda partidária na TV, pela minha mãe, por causa de uma garota, porque tem dias que eu me sinto mais sozinho que o usual, por tudo.”